LÍNGUA: Antidoto ou Veneno?

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

“A língua é um fogo. Ela é um mundo de maldade, ocupa o seu lugar no nosso corpo e espalha o mal em todo o nosso ser. Com o fogo que vem do próprio inferno, ela põe toda a nossa vida em chamas” (Tiago 3.16).
-INTRODUÇÃO: Lemos na Palavra do Senhor sobre a nossa língua, mas precisamente sobre as palavras que temos dito. Pesquisas recentes comprovaram que se uma pessoa juntasse tudo que fala durante um ano ela publicaria 30 mil livros de 800 paginas cada um. Resta saber se valeria a pena publicar pelo menos um livro de coisas que tem saído da boca das pessoas.
Mas muito mais importante do que isso é termos a certeza de que cada palavra que sai da nossa boca tem poder na nossa vida e na daqueles que estão a nossa volta.
Observe como as palavras têm poder:
Ex: Eu não te amo mais, você nunca vai conseguir nada, vai embora e não volta nunca mais.
Essas são só algumas frases que podem ser ditas ou ouvidas e que tem um impacto muito grande sobre a nossa vida. Por outro lado também existem palavras boas que podem ser um alivio na vida de qualquer pessoa.
Ex: Parabéns você foi incrível, você mudou minha vida, eu te amo.
Nossa palavra tem poder de erguer ou derrubar, evidente que não temos controle no que os outros falam de nós, mas temos controle total do que falamos. E justamente por que palavras ruins tem poder de destruição é que devemos nos guardar

Em Provérbios 13.3 o Senhor nos ensina:
“Quem toma cuidado com o que diz está protegendo a sua própria vida,
 mas quem fala demais destrói a si mesmo”.
Hoje vamos descobrir que poderes as palavras tem e em que podem influenciar direta e indiretamente a nossa vida:

1° NOSSAS PALAVRAS GUIAM NOSSA VIDA: Tiago 3.3-4
“Até na boca dos cavalos colocamos um freio para que nos obedeçam e assim fazemos com que vão aonde queremos. Pensem no navio: grande como é, empurrado por ventos fortes, ele é guiado por um pequeno leme e vai aonde o piloto quer.”
Reflita: O freio e o leme coisas pequenas mais que se mal usadas podem levar tudo a perder. O freio para ir com calma, ter cautela para não perder o controle e o leme para sempre ir à direção certa e não afundar.
Duas pequenas coisas assim como a nossa língua uma pequena coisa que pode por a perder grandes coisas.

2° NOSSAS PALAVRAS PODEM DESTRUIR O QUE TEMOS: Tiago 3.:5
“Vejam como uma grande floresta pode ser incendiada por uma pequena chama!”
Você já parou pra pensar que a maioria dos incêndios nas maiores e mais lindas florestas começa apenas por uma simples faísca?
Nossas Palavras tem o mesmo efeito devastador do fogo na floresta, por uma simples discussão que seria facilmente resolvida civilizadamente, surge uma faísca em forma de frase, palavra de ofensa, critica, raiva... Que causa dor magoa ódio... E é devolvida em forma de uma faísca ainda maior e logo o casamento esta em crise, uma amizade se acaba, os filhos vão embora. E tudo vira cinzas como na floresta. Por isso, “se você não quer se meter em dificuldades, tome cuidado com o que diz” (Provérbios 21.23).

3° NOSSAS PALAVRAS DEMONSTRAM QUEM SOMOS: Tiago 3.9-10
“Usamos a língua tanto para agradecer ao Senhor e Pai como para amaldiçoar as pessoas, que foram criadas parecidas com Deus. Da mesma boca saem palavras tanto de agradecimento como de maldição. Meus irmãos, isso não deve ser assim.”
Agora pouco nós cantamos, louvamos ao Senhor, oramos, mas não vai demorar muito surgiram oportunidades para usarmos essa mesma boca para dizer coisas que entristecem a Deus.
Sempre vai acontecer com todos nós surgiram pessoas querendo nos contar algo da vida alheia, querem contar e ao mesmo tempo sugerir soluções, sugerir soluções e ao mesmo tempo julgar causas e consequências certos que a verdade cabe na palma das suas mãos
Se isso acontecer devemos fazer duas coisas:
A primeira é não falar, a segunda é não ouvir. Não importa quem se dirigiu até você para falar algo de uma terceira pessoa não se sinta obrigado a ouvir, não polua seus ouvidos, mente e boca.
Da próxima vez que alguém vier em sua direção falar de uma terceira pessoa, olhe para essa pessoa e antes mesmo dela começar diga: "Não sei o que se passa na vida desse irmão, mas Deus sabe e vai fazer o melhor, vamos orar por ele (a)"
Todos nós queremos uma vida abençoada, uma vida de sonhos realizados, mas como podemos querer isso se não controlamos a nossa língua?
-CONCLUSÃO:
Veja o que diz em Tiago 3.11-12:
“Por acaso pode a mesma fonte jorrar água doce e água amarga? Meus irmãos, por acaso pode uma figueira dar azeitonas ou um pé de uva dar figos? Assim, também, uma fonte de água salgada não pode dar água doce”.
Que tipo de palavras tem saído da nossa boca?
Temos dominado nossas palavras? Não devemos esquecer:
Nossas palavras guiam nossa vida
Nossas palavras podem destruir o que temos
Nossas palavras demonstram quem somos.
Como controlar minhas palavras?
Vamos buscar naquele que sabe todas as coisas.
O Senhor nos dá 3 simples conselhos:
1° PENSE ANTES DE FALAR: Provérbios 16.23
“O homem sábio pensa antes de falar.”
Parece óbvio, porém muitas pessoas não fazem e tem sofrido por causa disso, pois “você terá de aguentar as consequências de tudo o que disser” (Provérbios 18.20).
2° SEMPRE FALE A VERDADE: Provérbios 12.18
“A mentira tem vida curta, mas a verdade vive para sempre.”
É muito comum escondermos a verdade para evitarmos situações que a gente não deseja
Mas sempre é melhor dizer a verdade, mas dizer a verdade com amor, Algumas vezes a verdade pode ser difícil de ouvir, Entretanto podem ser ditas de forma amável. Quando são pronunciadas de maneira que interessem aos que estão a sua volta e não para que pareça que você seja maior ou melhor que os demais. Portanto fale a verdade com amor e principalmente apoio, porque “nada de ruim acontece com os homens honestos, porém os maus só encontram dificuldades. O Senhor Deus detesta os mentirosos, porém ama os que dizem a verdade” (Provérbios 12.21-22).
3° PEÇA AJUDA AO SENHOR: Salmo 141.3
“Ó Senhor, controla a minha boca e não me deixes falar o que não devo!”
Mudar e dominar a língua não são tarefas fáceis é uma escolha difícil por isso precisamos do Senhor. Pra entendermos como não é fácil veja como Davi pediu isso a Deus.
E deu certo para Davi? Sim deu muito certo e ele foi uma pessoa abençoada por Deus.
Peça a Deus sensibilidade para que suas palavras não machuquem e afastem aqueles que você mais ama.
Lembre-se de algum momento da sua vida que você falou alguma palavra ruim para alguém que você ama:
Palavra de julgamento sem saber a situação que aquela pessoa estava passando.
Palavra de derrota queimando vivo um sonho que ainda vivia em algum coração.
Palavras que machucaram mais que uma agressão física.
Contra sua mãe, seu pai, seu amigo, seus filhos, alguém que não merecia.
Independentemente em que situação tenha acontecido afinal sabemos que sempre existe uma maneira melhor de resolvermos as coisas.
PALAVRAS NÃO VOLTAM, MAS SEUS EFEITOS FICAM
Hoje eu te convido a mudar essa situação vá ate essa pessoa, telefone pra ela, talvez ela até esteja ai do seu lado agora ou dentro da sua casa.
Peça desculpas, não fique pensando que a pessoa não vai aceitar ou não vai te receber, vá e faça isso, pois nada tem maior poder de quebrantar o coração de uma pessoa do que ouvir: “Desculpe-me, eu errei e quero consertar meu erro.”
Não importa o que aconteceu pode ter sido uma grande confusão, não importa.
A harmonia não começa quando examinamos os outros, mas quando examinamos a nós mesmos.
A harmonia não começa quando exigimos que os outros mudem, mas quando admitimos que não somos tão perfeitos assim.
E a resposta para resolver tudo isso se chama perdão.
A escolha é sua continuar com a sua razão e conviver com o vazio da falta que essa pessoa que um dia você machucou esta fazendo na sua vida.
Ou mudar e viver novos tempos, voltara estar perto dessa pessoa que você tanto ama.
Cuide bem das suas palavras!
Marcos César


Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Pregações por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.