O Sonho de Deus

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

Um dia Deus teve um sonho. Este era recriar o universo e a Terra, e colocar ali um ser semelhante a Ele, que pudesse cuidar e zelar do planeta. Este sonho foi concretizado, Deus criou a Terra e o universo e fez um ser semelhante a Ele, o homem, e o pôs para cuidar e zelar da Terra.
Porém o Senhor Deus não queria um ser automático, mas sim um ser com vontade própria e pensamentos próprios, por isso deu ao homem livre arbítrio para que pudesse escolher e pensar por si só. Então o homem gozava de plena comunhão com Deus, o próprio vinha todas as tardes ter com o homem de nome Adão.
PECADO:
Um dia o homem esqueceu-se do que Deus havia lhe ordenado, de que não comesse do fruto do meio do jardim onde morava. Pois certamente o dia em que comesse desse fruto morreria.
Comendo do fruto proibido o homem rompeu com a aliança que tinha com Deus, perdeu o privilegio de conversar com o Senhor face a face, criou-se uma barreira entre Deus e o Homem esta barreira se chama pecado, ou simplesmente desobediência.
Mas o Senhor Deus queria resgatar esta aliança com o homem, sendo assim começa novamente mais um Sonho do Senhor Deus, o Sonho do Resgate, este Resgate tinha que ser perfeito como tudo que Ele criara porem não dependia só DELE, mas também da vontade do homem de ser resgatado. Dessa forma o Senhor cria algumas alianças no decorrer do tempo, porém o homem com sua natureza pecaminosa vão as quebrando com o passar dos tempos ate que Ele cria então uma nova aliança perfeita e definitiva, a Nova Aliança através do Cordeiro de Deus.

REDENÇÃO:
Antes da nova aliança para ter os pecados perdoados tinha-se que se fazer sacrifícios de animais, estes tinham de ser perfeitos e sem mancha. Todavia o homem não para de pecar, e toda vez que isso ocorria o animalzinho que não tinha nada a ver com o pecado do homem pagar por um pecado que não cometeu (Ezequiel 43.25).
No princípio da criação já houve o primeiro sacrifício pelo pecado onde sangue inocente foi derramado no paraíso para encobrir o pecado do homem (Gênesis 3.21). O homem conseguiu provar que não era capaz de manter uma aliança com o Deus Vivo, pois a lei é deveras muito pesada para ser cumprida.
Um sinal mais nítido do que este não houve, sinal no qual Deus demonstra claramente que tem um plano para uma nova aliança que esta nesta passagem de Gênesis 22.13 “então levantou Abraão os seus olhos e olhou; e eis um cordeiro detrás dele, travado pelas pontas, num mato; e foi Abraão, e tomou o cordeiro, e ofereceu-o em holocausto, em lugar de seu filho”.

NOVA ALIANÇA:
Ficou mais que provado que em nosso lugar havia de morrer um Cordeiro Inocente Puro e sem mancha, que como na passagem dos Hebreus 7.22. De tanto melhor concerto Jesus foi feito Fiador. Jesus Cristo é o único que cumpriu a lei na Terra, e o único que aqui viveu como nós na condição de ser humano e nunca sequer cometeu pecado, e que morreu e no terceiro dia ressurgiu dos mortos e Vive e Reina hoje e para todo o sempre amém.  Confirmando a Nova Aliança.
A nova aliança é esta então, a que Cristo veio fazer através do seu sacrifício na cruz (Hebreus 8.7,8). Mais uma vez Deus renovando o que se tornou velho, provando que nosso Deus invisível é Deus de novidades, a todo o momento Ele procura melhorar o melhor de sua criação.
Certo dia Jesus estava saindo de Jericó, uma grande multidão o seguia e dois cegos estavam à beira do caminho, quando ouviram que Jesus passava começaram a clamar, pra que Jesus tivesse misericórdia deles.
Porém a multidão não gostou de ouvi-los e o repreenderam mandando-os calarem se, mas ai eles clamavam mais alto ainda, até que o Senhor incomodado com tal clamor parou e os chamou e perguntou "Que quereis que vos faça" e lho disseram "Que nossos olhos sejam abertos" (Mateus 20.29-34). Então Jesus movido de intima compaixão tocou lhes nos olhos e logo viram e eles o seguiram.

CONCLUSÃO:
Transportando esta passagem para o nosso tempo e para as nossas vidas, podemos compará-las tal qual quando estávamos em trevas como os cegos que ali estavam sem o conhecimento da palavra de Deus estão completamente cegos sem perspectivas de caminhos ou de uma vida melhor.
Mas em algum dia de nossas vidas alguém veio a falar do amor de Cristo e mesmo não o aceitando na hora esta palavra boa ficou em nossos corações e por fim brotou o desejo ardente de conhecer a Cristo.
Porem mesmo sendo Jesus onisciente deveu clamar e pedir o que necessitamos detalhadamente, pois acima Jesus mesmo sabendo do que tais cegos necessitavam Jesus fez a pergunta "Que quereis que faças?".
Depois disso de receber o milagre não podemos de maneira alguma virar as costas para o Senhor, temos que fazer igual o exemplo dos dois cegos, temos que segui-lo até o fim de nossas vidas, porque está escrito que "aquele que perseverar até ao fim será salvo” (MT 24.13).

Então se quisermos verdadeiramente ser salvos livres e libertos temos que entregar nossas vidas a Jesus de todo o nosso coração e arrepender-se dos pecados. Amém!

Edson Santos
e-mail: salvacao.cristo@gmail.com

Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Vídeos por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.