EXALTAÇÃO X HUMILDADE

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

"Naqueles dias Ezequias adoeceu mortalmente; e orou ao SENHOR, o qual lhe falou, e lhe deu um sinal" (II Crônicas 32.24).
-Meditação: Não deveria o nosso coração se apadrinhar do orgulho da vitória sobre os nossos inimigos, não é da aspiração de Deus que o nosso coração tenha tal sentimento. E foi exatamente o ocorrido com o rei Ezequias, pois na alma do rei veio à exaltação pela vitória contra Senaqueribe, rei da Assíria. Não é antidoutrinário que o servo de Deus tenha o refrão em seus lábios: “ toda honra e toda gloria, seja dada ao Senhor Jesus”.

Você foi humilhado?


A vitória não vem do servo, mas do Senhor. Com as histórias dos antigos, tiramos uma passagem de letra, em que nos fala do Nabucodonosor, rei de Babilônia que se exaltou em favor do seu grande império, mas acabou se alimentando junto com animais na relva durante sete anos de sua vida (Dn. 4.16,17,25). Já o rei Salomão, com toda a sua glória, sabedoria e riqueza, no auge de sua mocidade, não deixava de glorifica a Deus, embora, na velhice tenha-se enveredado nos caminhos do mal. 
A lição que Cristo nos deu, foi esta: "Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas" (Mateus 11.29). 
A humildade de coração, é a vacina contra a exaltação, os simples, verdadeiramente agradam ao Senhor, favorecendo-os com ótimos resultados, veja: "Depôs dos tronos os poderosos, E elevou os humildes" (Lc. 1.52) e "Semelhantemente vós jovens, sede sujeitos aos anciãos; e sede todos sujeitos uns aos outros, e revesti-vos de humildade, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes" (I Pedro 5.5), Quando se fala; sujeitos aos anciãos, não se refere propriamente as pessoas de elevadas idades, mas são educadores, pastores, guias, constituídos por Deus, embora de uma elevada, ou pouca idade, qual Timóteo, o jovem pastor.
Aprendemos que, nada vem de nós, mas do Altíssimo, com isso, não há motivos para gloriarmos na carne, como fez Herodes que"...no mesmo instante feriu-o o anjo do Senhor, porque não deu glória a Deus e, comido de bichos, expirou" (Atos 12.23). José se gloriou perante os seus pais e irmãos de um sonho ainda não acontecido, e acabou em cadeia no Egito, até que a humildade tomasse de vez o seu coração, Moisés foi tirado do palácio de faraó, e levado para o deserto durante um período de tempo, para saber que só o Senhor é Deus, e assim foi à vida de pastor que o levou a ser humilde e manso, foi ele, um dos personagens mais importante depois de Cristo. 
Hoje é diferente, pois a igreja teria de dar honra e gloria a Cristo através dos dízimos e ofertas, mas a avareza é bem maior em domínio nos corações que pouco caso fazem das oferendas a Deus. O verdadeiro sentido de vida do servo, não é a exaltação, veja que o próprio Senhor Jesus lavou os pés dos discípulos em exemplo de humildade, pois "Bom é o sal; mas, se o sal se tornar insípido, com que o temperareis? Tende sal em vós mesmos, e paz uns com os outros." (Mc. 9 : 50), os humildes não desejam grandes posições (Mc. 10.40), ficam na dispensação da graça. É hora de exercitar que "... em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus" (Atos 20.24), Amém!
"Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos" (Romanos 12.16).


Pr. Álvaro Olímpio

IEL - Igreja Evangélica Ludovicense
 em São Luís do Maranhão
olvaro@rocketmail.com

Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Vídeos por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.