NAMORO EM DEUS?

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

"E prostituiu-se Aolá, sendo minha; e enamorou-se dos seus amantes, dos assírios, seus vizinhos" (Ezequiel 23.5)
Nos assuntos doutrinários que são expostos nas igrejas, o mais polemico e menos tocado é o namoro, ou aconselhado no seio familiar, pois os pais não são aptos ao aconselhamento do respectivo caso, assim eles pensam. Então fica para nós pastores, mesmo sem o apoio da família dos apaixonados, a doutrinar a jovem igreja. E o que pregar se na bíblia não tem namoro? Errado, pensamento errado, pois a Palavra de Deus e doutora em todos os assuntos da vida cotidiana do homem, em qualquer idade.

Veja que quando se fala sobre abrasamento na bíblia, é o mesmo que namoro, que foi reprovado dentro da igreja do nosso Senhor, visto que esse costume acontece em algumas culturas, mas jamais em países orientais... É uma especialidade em países modernos de nossa época. Nesse caso, a moda “namorico, amizade colorida e/ ou algo mais, é bem atual, sem registro dos antepassados orientais, que é o berço da civilização”. Mas alguém com o pensamento bem moderno longe do berço, pergunta; e como vão se casarem e constituir família se não se conhecem os jovens através do namoro... então temos a contra pergunta: pra casar é preciso amassar, e transar com a menina antes, ou não basta o simples conhecer respeitável entre dois jovens? Contra resposta: Ah! Eu não vou amassar e nem transar com a menina, só quero “conhecer melhor”! Resposta contra essa refutação: "Mas, por causa da prostituição, cada um tenha a sua própria mulher, e cada uma tenha o seu próprio marido." (I Coríntios 7:2), essa resposta do Espirito Santo, descartar qualquer tipo de aproximação entre o cristão que os levem a cometerem sexo. E por acaso o namoro não é um deles? Pois de acordo com a psicologia, o beijo na boca é o caminho exato para o ato sexual, deixando tanto o homem como a mulher “preparados’ para o sexo”. 
Não vá dizer que o beijo entre dois jovens na parte do cérebro, onde moram os pensamentos bons e ruins, e o cérebro que é o motorista das nossas vontades, não deixa de ser oficina de satanás, quer dizer, planeja tudo que é contrario a Deus. É cabal, nem toda cultura é aprovada por Deus, imagine se Deus aprovaria que certo indiano ao morrer viria a ter como companhia a sua esposa queimada viva. Coitada, as lagrimas de viuvez se torna maldição por ter nascida em tal país machista, onde pouco valha os apelos de alguém que prefere viver nesta dimensão, longe do finado! O aconselhamento que é aplicado neste assunto é; muita vigilância, pois o diabo tem tirado muitos de dentro das igrejas, usando o tão “licito” namoro, para atirar no mundo das paixões vulgares. Alguém responde; tenho orando a Deus para me arranjar um companheiro (a), e sei que Ele vai me mostrar um namorado (a) perfeito (a). Contra esta resposta há refutação bíblica: veja: "Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." (Mateus 6 : 33), essa é a resposta que Deus nos proporciona em nossas orações, ao palmilharmos sozinhos nesta vida...sozinhos, mas jamais solitários: "E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;" (João 14 : 16)

"Mas, se não podem conter-se, casem-se. Porque é melhor casar do que abrasar-se." (I Coríntios 7.9)
Amém!

Pr. Álvaro Olímpio

IEL - Igreja Evangélica Ludovicense
 em São Luís do Maranhão
olvaro@rocketmail.com

Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Pregações por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.