SÓ EU FIQUEI?

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

"E Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o Senhor é Deus, segui-o; mas se Baal, segui-o. O povo, porém, não lhe respondeu nada" (1 Reis 18.21).
-Comentário: Nos tempos do profeta Elias a fome assolava toda terra de Samaria e mesmo assim a busca de Deus era cada vez mais raro, e foi nesse período que o profeta Elias foi convocado a se apresentar ao rei Acabe, aquele que era marido de Jezabel, a sacerdotisa de baal. Tempos difíceis para os profetas do Senhor, pois a maioria deles foram assassinados pelo o casal idolatra. E agora Deus diz a Elias que fugia dos assassinos a se apresentar, mas quando servimos o Senhor, não tem argumento contra o imperativo da missão que recebemos. 

Você está sozinho?

O melhor é obedecer. E assim o profeta fez.

O desafio era enfrentar os quatrocentos e cinqüenta profetas de Baal, e os quatrocentos profetas de Asera, que comem da mesa de Jezabel.
(1 Reis, 18.19), o objetivo central desta questão consistia em chamar o povo ao arrependimento das idolatrias e revelar ao povo que Ele, O Senhor desejava sara as suas terras, como diz em sua palavra: "... e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se desviar dos seus maus caminhos, então eu ouvirei do céu, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra." (2 Crônicas, 7.14) Querida igreja a nossa missão é chamar o povo para Deus desafiar os falsos profetas e seus lideres a um arrependimento, se for possivel, e com sobrenatural em nossas pregações, mas infelismente o profeta teve que fazer uso da espada, pois o nosso Deus não tem o culpado por inocente caso rejeite a sua Graça. E foi assim, foi dado aos profetas do mal a oportunidade de verem os seus erros e se retratarem dos seus maus caminhos diante de toda a Israel, mas como muitos em nossos dias não dão credito as nossas pregações, e por isto já estão condenados a morte pois "quando, porém, somos julgados pelo Senhor, somos corrigidos, para não sermos condenados com o mundo. (1 Co 11.32). Mas a assolação do pecado é tão avassaladora que nos sentimos sozinhos nas portas das cidades de Sodoma e Gomorra qual Ló sem poder entrar, semelhante a Elis em sua solidão disse...tenho sido muito zeloso pelo Senhor Deus dos exércitos; porque os filhos de Israel deixaram o teu pacto, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada; e eu, somente eu, fiquei, e buscam a minha vida para me tirarem." (1 Reis, 19.14). Embora você se sinta assim como muitos se sentiram, O nosso Deus jamais nos desamparar em nosso ministério de reconciliação entre o homem e Ele, e Ele nos conforta com estas palavras: " Todavia deixarei em Israel sete mil: todos os joelhos que não se dobraram a Baal, e toda boca que não o beijou." (1 Reis, 19.18) Amém. A necessidade de urgentemente levar as boas novas às almas serdentas é prioridade da igreja de Cristo, não há lugar para o medo como teve Elias, Pedro, Demas, Jornais, e até Paulo em certa ocasião teve que receber do Senhor exortação para continuar pregando aos tiranos; pois "de noite disse o Senhor em visão a Paulo: "Não temas, mas fala e não te cales;" (Atos, 18.9). Lembre-se que as últimas palavras aqui na terra que Jesus proferiu aos cristãos foram essas. "...Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura. (Marcos, 16.15) faça isso e "...Não temais os que matam o corpo, e depois disso nada mais podem fazer. (Lucas, 12.4) garantiu Jesus. Que a paz de Deus esteja com todos. Amém!

Pr. Álvaro Olímpio

IEL - Igreja Evangélica Ludovicense
 em São Luís do Maranhão
olvaro@rocketmail.com

Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Pregações por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.