VENCENDO “O DESERTO” EM NOSSA VIDA

COMPARTILHE esta Pregação:

    Sem comentários

"E ali esteve no deserto quarenta dias, tentado por Satanás. E vivia entre as feras, e os anjos o serviam." (Marcos 1.13)
Comentário: Sabendo que Jesus é o filho de Deus encarnado, satanás não se intimidou na invertida, foi furiosamente contra Jesus. Foi tudo ou nada, pois o inimigo de Deus e da igreja tava ciente do plano de Deus para a salvação da humanidade. Mas Jesus não estava simplesmente no deserto, Ele enfrentava o seu próprio “deserto”, veja que o evangelista Marcos destaca no versículo acima que Ele, Jesus, vivia “entre as feras”, em nosso deserto há também feras. Quando O Espírito Santo nos leva para o deserto, ali enfrentaremos o nosso deserto, e não estou falando de um lugar comum, mas um mundo espiritual em que os nossos 5 (cinco) sentidos não consegui decodificar, e é por isso que o próprio Jesus usou o jejum banhado por orações para poder como homem que era, saí vitorioso deste deserto. Mas é bom que saibamos que no texto de Mateus 4, houve da parte do maligno vários “sim”, em prol de Jesus, mas por outro lado houve vários “não” do filho de Deus ao tentador, ora se o filho de Deus foi levado para o deserto a fim de ser provado, quanto mais nós, seguidores do Deus vivo. Além, do jejum e oração, houve pontos chaves importantíssimos para que o nosso mestre se tornasse o vencedor do “deserto espiritual”, e aqui, eu, gostaria muito de exemplificar para os meus amados irmãos três pontos básicos da vitória de Cristo e da igreja, caso assim viver, então, vamos ver:

1º CONFIANÇA EM DEUS;

“Filhinhos, sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo”.(I Jo. 5.4) “Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.” (Efésios 6.16)

2º RESISTENCIA AO DIABO;

“Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.” (Tg. 4.7) “Ao qual resisti firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo.” (I Pe. 5.9)

3º USO DAS ESCRITURAS:

“Eu vos escrevi, pais, porque já conhecestes aquele que é desde o princípio. Eu vos escrevi, jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus está em vós, e já vencestes o maligno.” I Jo. 2.14) “A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao SENHOR com graça em vosso coração.” Col. 3.16) Assim, notamos que este evento com Jesus nos demonstra que não estamos totalmente sozinhos no “ deserto espiritual”, mas há feras e satanás, para serem destruídos, são dragões que evaporam fogos com o objetivo de destruir a nossa salvação e comunhão com Deus no deserto de nossa existência, mas Jesus desvendou o caminho em que devemos percorrer, o caminho de consolação e conforto, embora seja um deserto, ali tu terás anjos para te servi. Amém! Aviso: "Não endureçais os vossos corações, Como na provocação, no dia da tentação no deserto." (Hebreus 3.8.)

Pr. Álvaro Olímpio

IEL - Igreja Evangélica Ludovicense
 em São Luís do Maranhão
olvaro@rocketmail.com

Nenhum comentário:
Escreva Comente!

IDENTIFIQUE-SE para que seu comentário seja aceito.

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.

Siga-nos

Vídeos por email

© 2016 Espaço do Pregador. Designed by Bloggertheme9
Powered by Blogger.